Logo Mellho
Logo Mellho

(...) eu fui amaldiçoada a amar um homem que nunca vai me amar. Só de olhar pra ele, o meu coração dispara, minha garganta aperta, impossível engolir... em fim, os sintomas de costume.


Este site utiliza cookies que são compartilhados com nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Ao continuar navegando você concorda com nossas políticas. Ver detalhes